sábado, 13 de dezembro de 2008

Diálogo mudo

- Eu não posso mais. - ele disse então, virado para a janela e com um longo suspiro, virou-se e sentou de frente para a garota, com a mesa e a xícara de café entre os dois.
Ela o encarou profundamente e naquele segundo, odiou cada fio de cabelo desalinhado dele. Odiou os dentes ligeiramente amarelados pelo cigarro e todas as partículas que faziam seus olhos brilharem daquela forma. Não um ódio mortal, de quem odeia um inimigo. Odiava na verdade, o fato de não poder fazer o que queria naquele momento, que era chorar e tremendo, pedir pra ele não ir, com ares de mulher frágil.
Não estava surpresa, verdade. Esperara aquelas palavras desde o primeiro contato, desde o primeiro olhar entrecruzado que tiveram. Talvez não exatamente aquelas palavras, mas aquele sentido.
Foi como uma frase: ela sabia que havia o ponto final assim que começou o parágrafo.
Ouviu o suspiro dele a sua frente e novamente encarou seus olhos atentos, voltando à realidade por alguns milésimos de segundo. Esperava que ele fosse retirar o que disse, desculpar-se do que tinha dito e fazer oito dúzias de promessas furadas, que ambos sabiam que não teria nenhum valor, mas que só pelo fato de serem feitas já tinham algum significado e eram um indício de futuro juntos. Sacudiu a cabeça consternada e com um meio sorriso lembrou-se de estar tratando com o crápula mais frio que tivera a oportunidade de conhecer. Ele nunca diria aquele tipo de palavras. Ao menos não a ela, em sua simples existência, em seus trajes tão mundanos e seu rosto tão exótico e ao mesmo tempo sem nenhum significado pra ele.
- Ok - disse ela simplesmente, enquanto segurava a xícara ainda quente com as duas mãos e a erguia à altura dos olhos, olhando para ele distraídamente, enquanto sua mente pensava em mais vinte e quatro mil e quinhentas palavras que queria dizer - não vou te impedir, nem me comportar como criança. Vê se me liga, tá?
Dizendo isso, levantou-se de sua cadeira lentamente. Não deixou oportunidade para nenhum adeus propriamente dito, mas não olhou para trás porque seria sinal de fraqueza e ela sabia muito bem que fraquejaria.
Mal sabiam eles...

31 comentários:

understandingnothing disse...

Ela sabia que teria um ponto final e termina o texto com reticências?
Ele ainda não terminou, a história não terminou, adorei esse contexto.

Max Psycho disse...

menina maior saudade de voce e de seus textos deliciosos de se ler, bju grande e um ótimo domingo

αиα.·* disse...

Ameei, como sempre ameei!

"enquanto sua mente pensava em mais vinte e quatro mil e quinhentas palavras que queria dizer." -É sempre assim..


beêjú
ana.-*

Liih disse...

=O novamentee. Cara, c escreve muito bem!
E como a ana disse, eu tenho q completar:
"enquanto sua mente pensava em mais vinte e quatro mil e quinhentas palavras que queria dizer." -É sempre assim..[2]
mas nunca sai nenhuma palavra..
E o trabalho, como vai??
Beijooos

αиα.·* disse...

Ei!
Tem selinho pra vc lá no meu blog :D

beêjú
ana.-*

flávia ruas disse...

Adoreei. Queria saber o resto da história!
beeijo

' Sofih! disse...

Normalmente, a fraquesa que consome por dentro, quase nunca é mostrada no momento. Talvez por medo do ridículo?

Ainda bem que tem uma continuação(acho)! Tô curiosa pra ver!

Bjooo!*

• Drama Quεεn ♥ disse...

aai, que saco... e a curiosidade, como fica?
Vou te linkar, ok? Beijo.

Jééh ! disse...

aain, que lindo *-*

bejo amiga!

disse...

Mal eles sabiam...

o que aconteceu depois???

=)

Estava com saudades de vc...

_____________________


Grande Abraço!

Mayana Carvalho.♥ disse...

eu tô me colocando no lugar dela: ter wue segurar toda a sua vontade as palavras dentro da boca para se mostrar forte e madura :S
dificil...

Beijos, lindo texto!

' Linee \o/ disse...

Ana.. vc já sabe o qnt eu acho q vc escreve bem, mas esse texto tá PERFEITO!!!
tá muito bom mesmooo!!!!!
eu adorei!!! *-*

e realmente, seus textos são deliciosos de se ler!!! ^^

bjãoo filhadocapetaa!!! XD

' Linee \o/ disse...

ahhh, e eu quero saber o resto da história [2]

vai ter continuação??? *-*

Andréia disse...

humm... conta o resto!

beijos e adorei o post como sempre...

ate+ e boa semana

Auíri Au disse...

E agora??
Hehehehe
Fiquei curioso, achoq ue a intenção foi essa né?
HEuiaheiaheia

Beijos

tico litlle disse...

gostei os tres pontos!

Rafael R disse...

Nusssa, muito bom! tbm gostei dos três pontinhos, da um gosto diferente no texto sem falar q vc escreve perfeitamente perfeito. Eu pensei uma hora numa cena d 007... mas passou depois^^ Thank's

ViNícULa disse...

sou mais um que gostou do texto

mas a história continuará?

Daniel Salles disse...

Muito bom o texto! Dezessete anos, só? Escrevendo desse jeito, nem parece...

Yuuko-sama disse...

Elephant Gun" é o nome da musica la da minisserie capitu
já axei
=3

Sarah S disse...

eu faria, aliás, já fiz e faço exatamente como ela. ~:

Pelirroja disse...

Nossa, difícil fazer o que ela fez... Muitas teriam cedido e implorado para que ele ficasse, mas ela fez o melhor. (Porque assim eles dão mais valor).

Gostei muito do seu blog, depois passa lá no Abóboras!

Beijão!

Juh Lima disse...

Continua? hihihi ;D
Assim, como alguns comentários, eu adorei essa parte: "enquanto sua mente pensava em mais vinte e quatro mil e quinhentas palavras que queria dizer." Tudo a ver com o que passamos! HAHAHAHA. Já passei por isso e acredito que todo mundo também! :D
Beijoca :*

Lorena Lais disse...

Olá, so passei para avisar que..
eu ganhei o meu 1º premio de melhor blog e com ele eu tenho direito de premiar mais 15 blogs
e o seu é um deles!
passa la no meu blog para saber direitinho http://cajuziinha.blogspot.com/
Beijos

disse...

uou, totalmente perfeito. ficou tão lindo que a cena se passou claramente na minha mente. ficou, lindo.

quanto tempo fiquei sem vir aqui, hein. ainda bem que voltei. não poderia perder essa :D

beijos

C r i s t a l disse...

Adorei o post...
Perfect!
Ela, mesmo sabendo que havia fraquejado, deu o ar de superioridade ao deixá-lo alí e sem olhar para trás!!
Muito lindo msmo o post...

E em relação a brit, sempre fui muito fã dela e fiquei feliz com "a volta que ela deu por cima"!
Ainda não ouvi todas as músicas do novo cd não...
Vlw pela dica.

BjuSs

Mariana disse...

AAAAhhhh... adorei a história...
=D
e realmente não er bem aquilo q eu keria dizer.. tdo mundo levou pro do zumbi ser realmente um zumbi..haha
bjoksss

janela.indiscreta.zip.net

Rαfαεℓℓα disse...

Oii, desculpe pelo sumiço! Mais estou de volta ( http://riscandoerabiscando.blogspot.com/ )

Beijoss e e, breve eu faço comentários decentes xD

Junkie careta disse...

Baby,
Agora sou eu quem estou boquiaberto...
A riqueza de detalhes,o subtexto,as contradições, angústias, ansiedades...

Parabéns. Esse foi o melhor texto seu que já li até agora.

Aguardo mais um

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,

信用代款 disse...

銀行貸款,
信用貸款,
房屋貸款,
二胎房貸,
汽車貸款,
企業貸款,
民間二胎三胎,
借款2胎3胎,
私人設定土建融,
銀行代償,
企金週轉金,
機械貸款,
工程貸款,
押標金,
卡債卡奴,
創業貸款 ,
青年創業貸款,
債務協商,
工商融資,
中古車貸款,
小額信用貸款 ,
銀拍屋法拍代墊款,
簡易貸款,
LC代墊工程合約貸款,
信用卡貸款,
攤販貸款,
頭家貸款,