quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

Gastando Atitude

De uns tempos pra cá, eu tenho visto "atitudes" surgirem com muito mais frequência.
Olhando de primeira, parece uma coisa incrível: todos resolveram agir e mudar o que lhes incomoda. Mas que maraviiilha, minha filha! O mundo vai mudar!
Infelizmente, não é isso que tem acontecido. O que eu tenho visto, na verdade tem me soado muito como uma campanha política ou algo do gênero.
Normalmente, a idéia que ser faz sobre ter atitude, é argumentar e discutir para conseguir algo, fora do alcance momentâneo, é questionar quando o fato é duvidoso, é ver algo errado e tentar mudar, defender as idéias, dar uma chance... Enfim, ter atitude era algo perfeitamente admirável.
Agora, tomar tal achocolatado é ter atitude, olhar de esguelha é ter atitude, usar aquela marca que está em alta então... Nem brincaa! Atitude total!
Atitude anda circulando tanto em propagandas com musiquinhas decoráveis, em outdoors berrantes e em portas de boteco, que o fato de ter atitude não atrai em mais nada.
Alienação tem vindo disfarçada de atitude, e acredito que hoje em dia, pra se ter atitude basta ser inteligente ;)