domingo, 27 de dezembro de 2009

Veneno e Vertigem

image

Minha mente pregava-me peças certas vezes: daquelas mais ferinas, das mais ácidas. Que ocorriam sempre nos momentos mais incertos e incendiavam de desespero cada fibra minha. E toda aquela segurança que eu fui criando vagarosamente passava entre meus dedos como areia fina e eu caía em uma armadilha muito bem elaborada que sempre eram pelo mesmo motivo: você.

Juntando algumas peças que eu conhecia e mais algumas coisas que eu imaginava com tanta perfeição, eu criava cenas em minha mente que eram tão aterradoras quanto nauseantes para mim: começava a ver os seus olhos lançando olhares de amor a uma estranha a qual eu não sabia nome nem procedência, olhares que eu tão precocemente adotei como “só para mim” sendo tão dela. Vendo tua boca doce e macia, já tão conhecida da minha beijando outros lábios com tanto carinho que sinto meu coração revirar do avesso e tuas mãos estavam marcando tanto os contornos dela que eu me encolhia em um canto de mim mesma e não me julgava no direito de acabar com as cenas em minha cabeça.
E conforme ia me embrenhando nas minhas próprias sandices, mais  ia me arranhando nos espinhos envenenados que eu mesma ia criando, me enchendo de tonturas de desgosto e amargos na boca, vendo tudo ser distorcido e imaginando que ela seria a sua musa, o seu porto seguro, o amor da sua vida como eu não havia conseguido ser.
Pouco me importava se eram estranhas sem rosto que foram personagens de outras páginas de sua história, importava mesmo ainda que tivessem preenchido um ou dois parágrafos, talvez poucas linhas, pra mim sempre foi difícil imaginar que você poderia ter pertencido a outra, que poderia ter dado o seu coração a alguém que fosse mais mulher do que eu, que alguma outra mão te fizesse carinho até você adormecer sorrindo como criança.

O alívio só vinha depois que já tarde da noite eu te explicava todas as minhas aflições, todos os meus medos e você, com sua paciência que ainda me surpreende de tão enorme que é, me explicava que ninguém mais te importava, dizendo que a minha mente é insana, lembrando-me mais uma vez que o nosso amor é tão enorme que nenhuma outra pessoa poderia saber ou calcular seu tamanho e eu finalmente adormecia e finalmente via a cena do lado certo: dentro dos seu abraço.

26 comentários:

Lica disse...

aniiiiiiiiinha, quanto tempo! lembra de mim? nossa, quanto tempo que eu nao visito seu blog!
mesmo!
enfim, como sempre, o texto é lindo,e como sempre, a cada texto que você escreve, eu fico :O
Beijooos

além do que os olhos podem ver!! disse...

lindo o texto...
fiquei triste no começo rs
mais adorei o final...
bjos

Sofia disse...

Olá Querida Leitora (assídua ou não) do Pirulito no Palito! No dia 16 de Janeiro de 2010, o blog completa um ano, e gostaria de pedir a você que me acompanha(há pouco ou muito tempo.) que me ajude a preparar a festa. Como? Com ideias, sugestões, com o que vocês querem ver ou, até mesmo, com perguntas (já que eu sou louca para ser entrevistada por alguém).
Ah sim, eu adorei seu post, pois se eu não gostasse não estaria aqui hoje pedindo a sua ajuda para um momento importante na minha humilde vida ;)
Beijos e desde já um ÓTIMO 2010 para todas
Sofia.

Vinicius Kmez disse...

é amor.. mesmo depois de 13h de trabalho, nos piores dias do mes [não só pra mim.. se é q vc me entende..] com a minha "pouca" paciencia que Cristo me deu e com o maior amor que ja senti por alguem na minha vida, eu te digo quantas mais vezes forem necessarias minha bebe, que eu te amo e é só você quem eu quero na minha vida e pro resto da minha vida (L)

É só com você que eu me importo... minha vida.

Sarx disse...

"(...)Mas que seja infinito enquanto dure", né não?

Adorei! Haha.

Gabi Salles disse...

noossa gata *-* ,
amei, é as vezes agente acaba se envolvendo nas copnfusões que agente cria em nossa mente, mas é sempre bom lembrar que a realidade sempre prevalece, (;
sucesso sempre linda, e volte sempre em meu blog , adorei ter voce la *-*

A Magia da Noite disse...

tem de haver sempre quem nos receba, mesmo na inconstância do nosso ser.

Mary West disse...

Pior mesmo é quando se tá de TPM.

Anônima disse...

Há! O teu blog é tão bonito! Gostei dele. mesmo. talvez pq seja um bocado... humano... sensível... Verdadeiro. É. "verdadeiro" deve ser a melhor palavra pra definir esse cantinho.
Bom trabalho :)

sexwm disse...

Venha das uma espiadinha no meu blog!
Sexo saudável e sem preconceito é comigo mesmo!
Não se preocupe quanto a sacanagem, por isso existe o anonimato nos blogs, venha tirar suas dúvidas, pergunte, não tenha vergonha, critique, informe.
Afinal, quem não gosta de falar sobre sexo?

Daniela Filipini disse...

Muito lindo!

Deni Maciel disse...

aah existe lan house no fim do mundo do noroeste do nordeste do sul do norte do sudoeste de yracy em pernambuco....então como o tempo é curto pq o dinheiro tbm é curto...venho essencialmente agradeceer a msg d fim d ano.
dizer que desejo felicidade
sucesso
amor e tdo mais d bom.
e que em 2010 continuemos nossas trocas de informações, sentimentos, diversões e afins.
um ótimo fds. e feliz dia da MEGALIQUIDAÇÃO e da cueca com bolso . . .pra melhor conforto do dinheiro e do usuário neh . . . .

Mαrih Menezes; disse...

Aninha,
conheci teu blog por um link da capricho e curti bastante :D
Seu texto foi inteligente. Você brincou com as palavras e os sentimentos da personagem com muita habilidade.
Gostei do seu modo de escrever, e a partir de agora estou te seguindo.
Beijos :*

' Linee Soglia disse...

Fiquei com agonia no começo, mas tá lindo!

Quase chorei! *-*

:*

Renata Bittes disse...

Nossa, esse pesadelo é ruim msm. Imaginar quem se ama com outra é muito dolorido. Ainda bem que foi só um pensamenton né?

Adoreii o texto. Vc é muito boa para descrever. Parabéns =)

Lola Krull disse...

Você escreve absurdamente bem! De verdade. Já estou "seguindo" seu blog, muito bom. Beijos.

A filha única disse...

Adoro seus textos, adoro adoro adoro! *-*

Drica Santos . disse...

Eu simplesmente amei o seu blog, é lindo. Os textos são perfeitos! Você pode seguir o meu blog, por favor? http://trufasdecafe.blogspot.com - eu tô começando a escrever lá, mas nao faço a menor idéia se eu tenho talento. Rs ' Parabéns pelo blog, ele é ótimo. Bjs.
ps: tô te seguindo.

Aniinha ;D disse...

muuuito bom e lindo seu texto hein xara ;D

Rívia Petermann disse...

Eei
Adorei,pois seja ou não em confusões,criadas ou de verdade,a imaginação é sempre uma perfeita válvula de escape;cria e modela,amenizando as cicatrizes...

beijos!

Sofia disse...

muito bonito o texto, adorei.

-

CONVITE
1º aniversário do Pirulito no Palito

A festa tem retrospectiva, selo do blog pra você, entrevista e lay de cara nova!
passa lá e comemore conosco!

Sofia
(http://pirulito-no-palito.blogspot.com/)

Lolita disse...

Revelador e profundo. Só a gente entende os textos que vêm direto do coração.

tico litlle disse...

e entao..nada mais???

Cá, disse...

perfeito. sempre que eu venho aqui, parece que fui trazida pela força das tuas palavras...

é pra mim esse post? hihihi!

Posso roubar de vc???

Beijocas

信用代款 disse...

銀行貸款,
信用貸款,
房屋貸款,
二胎房貸,
汽車貸款,
企業貸款,
民間二胎三胎,
借款2胎3胎,
私人設定土建融,
銀行代償,
企金週轉金,
機械貸款,
工程貸款,
押標金,
卡債卡奴,
創業貸款 ,
青年創業貸款,
債務協商,
工商融資,
中古車貸款,
小額信用貸款 ,
銀拍屋法拍代墊款,
簡易貸款,
LC代墊工程合約貸款,
信用卡貸款,
攤販貸款,
頭家貸款,

信用代款 disse...

銀行貸款,
信用貸款,
房屋貸款,
二胎房貸,
汽車貸款,
企業貸款,
民間二胎三胎,
借款2胎3胎,
私人設定土建融,
銀行代償,
企金週轉金,
機械貸款,
工程貸款,
押標金,
卡債卡奴,
創業貸款 ,
青年創業貸款,
債務協商,
工商融資,
中古車貸款,
小額信用貸款 ,
銀拍屋法拍代墊款,
簡易貸款,
LC代墊工程合約貸款,
信用卡貸款,
攤販貸款,
頭家貸款,