domingo, 30 de março de 2008

triste lamento


E de repente eu aprendi que em certos dias é impossível impedir que a tristeza domine o ambiente.
Aprendi também que o pior tipo de tristeza é aquela repentina porque ela é silenciosa e chega de mansinho com uma lembrança que nem é tão significativa assim ou mesmo uma música.
E quando dou por mim, ela me invadiu completamente, as lágrimas escorrem quentes e insensíveis pelo meu rosto e eu nem dei autorização pra elas se fazerem presentes.
Não há o que fazer nessas horas senão deixa-la ficar, quanto mais eu resisto, mais ela insiste em se fazer presente. Parece que não, mas essa tristeza é forte, minha cara!

Tristeza amarga, traiçoeira, desfaz todos os meus sonhos e tudo o que eu havia planejado pra minha vida, ou mesmo pro meu dia, em questão de segundos. Sensação de terem jogado ácido em tudo o que eu construí, essa maldita tristeza se acha no direito de me invadir e me destruir.

Tristeza,
que as vezes se disfarça de nostalgia e parece não machucar tanto e eu só percebo que é ela novamente quando dou aquele suspiro triste, já no final dos meus pensamentos.
E as vezes é tão intensa e tão cegante, que não consigo pensar em outra coisa senão que ela me fará companhia pro resto da minha vida.
Mas ela sempre vai e ela sempre volta,
sempre se volta contra mim, cada vez com uma artimanha diferente.

13 comentários:

disse...

Hahah! A converssa rendeu MESMO!

Mas o bom da tristeza, é que ela ressalta os momentos felizes, depois.

Amanda Bia disse...

a minha tristeza me acompanha desde que me entendo por gente! já virou minha amiga. às vezes ela adormece e então eu fico bem. mas quando ela surge, daí nada de bom consegue ser mais forte que ela!
belo texto, bonito blog.
pode linkar sim! te linkarei tb e passarei sempre que possível.
beijos!

*•Rαfαεℓℓyиhα•* disse...

lindo texto *-*

blog tah lindo!

Bjos!

Cássia disse...

Ai Aninha, que triste!!!
manda essa tristeza pra PQP!

Não deixa que esse sentimento te dê força pra escrever coisas tão fortes assim... tão profundas!!!

Bjim em tu!

Polly disse...

Às vezes a tristeza parece mais forte do que tudo...Mas não ééé! Nada de cultivar tristeza! Se estou viva, eu quero é me sentir feliz! Mesmo que não seja fácil conseguir isso....


(www.pollyok2.zip.net)

Anônimo disse...

Oi, Aninha. Tudo bem? Preciso falar contigo... Tenho um convite para te fazer. Você poderia me escrever e passar um email pra contato? alefelix@gmail.com

Beijo.

Iah Pinke disse...

adorei seu blog!
to fazendo um pra mim agora!
parabens!! bjo

Iah Pinke disse...

bloglinduuu!
parabens!!

★. Marii .★ disse...

demaa dema demaa
tu tá muito emoo
te animaa guria
essa tristeza tem nome: falta de macho
ha8hauha capaz
mas a tristeza apesar de tudo, nos rende bons textos.. bjoos! :*

Loh_rayne disse...

tristeza doi; vai e vem;

so temos que aprender a deichar a tristeza pela felicidade !


adoroo aquuii

;*

Cássia disse...

Ahhhh ta bom desse post triste!!!

hauhauhauhauh!!!!

Bjim!

Mary West disse...

Oh a tristeza é uma possível amiga p/ lá de incoveniente mesmo, mas as vezes suas visitas são melhores e passar o tempo sem nada. ;)

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,